Siga esses conselhos para garantir um pouco mais de autonomia na bateria do seu smartphone

Um dos maiores problemas enfrentados nos dias de hoje pelos usuários de smartphones é a duração de bateria. Embora esse componente tenha evoluído consideravelmente e o software dos aparelhos tenha sido otimizado para economizar mais energia, em linhas gerais a regra de “quanto mais útil, mais uso” acaba criando um dilema. Inclusive, veja as atualizações do iphone  que deram mais problemas.

Muitas fabricantes investiram pesado em melhorias na capacidade de bateria, seja aumentando a capacidade nominal de armazenamento de energia ou buscando meios de usar inteligência artificial para não permitir gastos em momentos de ociosidade. Infelizmente, os esforços feitas pela Apple nesse sentido não foram suficientes.

Embora seja um dos aparelhos mais modernos disponíveis, em termos de bateria a maioria dos concorrentes ainda está à frente dos resultados obtidos pela bateria do iPhone. Sendo assim, é uma reclamação frequente dos usuários o fato de que invariavelmente a carga do iPhone não dura até o final do dia, especialmente naqueles dias em que o uso é mais intenso.

Ainda não é possível fazer nenhum milagre nesse sentido e conselhos como andar sempre com o seu carregador ou mesmo com um carregador externo portátil continuam sendo válidos. Entretanto, existem alguns truques que podem ser utilizados por aqueles que têm como objetivo reduzir o consumo de bateria do iPhone.

Nesse artigo, listamos quatro deles que podem dar uma sobrevida ao seu celular, principalmente naqueles dias em que você está longe de uma tomada.

1 – Reduza o número de notificações

Notificações

Quantos aplicativos têm as notificações habilitadas no seu celular? Em média, um usuário comum costuma ter pelo menos dez aplicativos instalados cujas notificações ficam habilitadas. Isso inclui Facebook, Messenger, WhatsApp, Twitter, Instagram, Gmail e muitos outros. E esse é um ponto responsável por consumir um pouco da bateria do iPhone. Aliás, saiba quais foram os melhores aplicativos de 2017.

Para descobrir se há ou não uma nova informação a ser exibida, o app faz uma requisição ao servidor, de tempos em tempos. Essa requisição é uma ação em segundo plano que consome energia. Sem as notificações automáticas, as mensagens continuarão vindo, mas somente quando você abrir o aplicativo para conferir.

O lado bom de desabilitar as notificações é que você diminui as fontes de distração enquanto estiver trabalhando, o que pode garantir mais produtividade. Basta se habituar a checar o celular uma vez a cada 30 minutos ou a cada hora e pronto: no final das contas, o resultado final será o mesmo.

2 – Diminua o brilho da tela

Em qualquer celular, o item responsável pela maior parte do consumo de bateria é a tela. Para que ela fique ligada, a bateria precisa estar sempre em ação e quanto maior for a intensidade de brilho, maior é o gasto. Uma solução, especialmente em ambientes bem iluminados, é deixar o brilho no automático.

Porém, existe outra maneira ainda mais eficaz, ideal para ser utilizada quando você está dentro de casa ou viajando: coloque o brilho da sua tela no mínimo. Essa simples ação vai fazer com que o consumo de bateria seja reduzido de forma significativa, o que no final do dia vai representar uma diferença considerável. Estima-se que 20% da capacidade de bateria seja esgotada apenas com o uso da tela.

3 – Desligue a função de localização

Essa é outra dica que vale a pena ser seguida especialmente quando você estiver em um ambiente seguro. Desligar a localização no celular fará com que você economize uma boa quantidade de bateria no final do dia. Pense da seguinte forma: se você está em sua residência, ou no trabalho, há pouco sentido em manter a localização ativa – a menos que você faça alguma busca ou use algum serviço relacionado às redondezas.

Nesse caso, você pode desativar a localização e deixar para usar o recurso apenas quando estiver na rua. É importante mantê-lo para que você possa eventualmente encontrar o seu celular caso ele venha a ser roubado. Um seguro para iPhone pode repor o aparelho, mas se você tiver a oportunidade de reaver o produto original mediante o rastreio ainda melhor. Veja também diversas coisas que o seu iphone pode fazer e você nem imaginava.

4 – Use papeis de parede normais

Essa dica pode até parecer uma brincadeira, mas não é. Um dos recursos que foram implantados no iPhone ao longo do tempo é a possibilidade de instalar papeis de paredes dinâmicos. Eles são muito bonitos e dão um efeito diferenciado ao visual do sistema, isso é inegável. Mas ao mesmo tempo que eles saltam aos nossos olhos, em segundo plano consomem bateria.

Para quem quer poupar um pouco mais da carga do aparelho, cada percentual de economia que puder ser feito é melhor. Assim, desabilite esse recurso e prefira usar apenas os papeis de parede convencionais, sem animações. Eles requerem muito menos energia para se manterem ativos e a variedade disponível é praticamente infinita.

Gostou das dicas?

Bateria do iphone

Como já mencionamos, não há milagre que possa fazer a bateria de um iPhone durar muito mais do que o próprio sistema prevê. Porém, existem alguns pequenos truques e atalhos que podem ser utilizados para que o consumo seja reduzido – em alguns casos de forma significativa e em outros nem tanto.

Quem já chegou várias vezes em casa com a bateria do iPhone no fim da carga sabe como é a angústia de “correr” para uma tomada antes que o celular desligue. É justamente em momentos como esse que a sua esperteza ao lidar com o iPhone pode fazer toda a diferença, de forma que você não fique off-line em nenhum momento.