Smartphone top de linha da empresa finlandesa pode ser um dos últimos grandes lançamentos de 2017

Estamos chegando em meados de outubro e nesse momento a maioria dos grandes lançamentos em smartphones para 2017 já foram apresentados para o público. iPhone X, da Apple, Galaxy S8 e Galaxy Note 8, da Samsung, G6, da LG e Pixel 2 XL, da Google são os principais celulares que devem disputar o posto de melhor celular do ano.

Porém, é bem possível que tenhamos um novo concorrente entrando no cenário ainda neste ano. A Nokia, que retornou ao mercado de smartphones em março desse ano durante a MWC 2017, está em vias de lançar o seu novo celular top de linha.

Tudo o que se sabe sobre ele até agora é rumor e a empresa ainda não confirmou se ele chega mesmo esse ano ou fica para 2018.

Entretanto, caso ele venha a ser lançado, o anúncio deve ser feito até à primeira quinzena de novembro, com as vendas começando no mesmo mês. Levando-se em consideração todos os rumores apontados até agora, vamos conhecer um pouco mais sobre o Nokia 9, o provável top de linha da empresa finlandesa para os próximos meses.

Smartphone Nokia 9 – provável ficha técnica

  • Sistema operacional: Android 8.0
  • Tela: OLED de 5,5 polegadas
  • Resolução de tela: 1440 x 2560 pixels
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 835
  • GPU: Adreno 540
  • RAM: versões com 4 GB, 6 GB e 8 GB
  • Câmera traseira: 2, sendo um de 22 megapixels com lentes Carl Zeiss
  • Câmera frontal: 12 megapixels
  • Bateria: 3.800 mAh
  • Resistência: certificação IP68 (resistente a água e poeira)
  • Preço: a partir de US$ 699

Nokia 9 Recursos

Hardware potente, para ninguém botar defeito

Se as especificações estiverem corretas, o Nokia 9 chegará ao mercado como um dos celulares mais potentes da atualidade. Para começar ele terá o processador Snapdragon 835, da Qualcomm, o mais poderoso disponível na atualidade.

No mês de dezembro a Qualcomm deve apresentar o Snapdragon 435, mas ele só deve pintar nos celulares lançados depois de março de 2018.

Além do processador potente, há rumores que indicam que o Nokia 9 pode ter até 8 GB de RAM: é mais memória RAM do que qualquer smartphone existente no mercado no momento. Entretanto, o cenário mais provável é que ele chegue às lojas em versões de 6 GB e 4 GB – o que é mais do que suficiente, convenhamos.

Câmeras de primeira linha

Seguindo a tendência da maioria das fabricantes, o Nokia 9 deve chegar às lojas também com duas câmeras na parte traseira, sendo a principal com 22 megapixels de resolução. O grande destaque aqui é o fato de que a empresa vai usar as famosas lentes Carl Zeiss na construção do produto.

Além disso, o ótimo histórico na linha Lumia, já descontinuada, faz com que a expectativa cresça bastante.

Já a câmera frontal deve ter resolução de 12 megapixels, um número alto mesmo para os modelos top de linha. Entretanto, sem sabermos exatamente quais tecnologias serão empregadas nela fica difícil fazer uma previsão de quão boa ela será, uma vez que megapixels não é tudo.

Funções extras seguindo as tendências

Embora a Nokia tenha condições de se posicionar no mercado com um produto qualidade, é pouco provável que, ao menos nesse retorno da empresa – ainda faz menos de um ano de sua volta – ela chegue com inovações. O que veremos, é não é nenhum demérito, é a boa utilização de tecnologias já existentes, com algumas adaptações.

Assim, como recursos extras, podemos citar o fato de que o aparelho virá com certificação IP68, o que o torna resistente a água e poeira. Outra feature presente será o leitor de impressões digitais, provavelmente na parte frontal.

Some a isso outras duas funções interessantes: leitor de íris – similar ao existente nos modelos Galaxy Note 8 e Galaxy S8 – e o recurso 3D Audio Recording.

O 3D Audio Recording é uma tecnologia da Nokia que permite que você crie efeitos de som surround quando está gravando áudio de um ambiente. Para isso, o smartphone precisa contar com quatro microfones.

Celular Nokia 9

Preço segue sendo uma incógnita

É difícil afirmar quanto custará o Nokia 9 nas lojas norte-americanas, ao menos por enquanto, por duas razões.

Todos os top de linha lançados neste ano pelas outras fabricantes tiveram os seus preços médios reajustados. Se antes eles custavam cerca de US$ 700 agora a média saltou para US$ 800.

Assim, não temos como prever qual estratégia a Nokia utilizará com o seu Nokia 9. Aumentará o preço para acompanhar os concorrentes e se colocar de igual para igual no mercado ou vai cobrar um pouco menos, como forma de atrair de volta os consumidores que migraram para outras marcas?

Lançamento no Brasil

Caso o Nokia 9 seja mesmo lançado, são grandes as chances que o aparelho seja vendido também no Brasil. Entretanto, isso não deve ocorrer em 2017. O intervalo de lançamento entre Estados Unidos e Europa, no caso da maioria das marcas, é de pelo menos três meses, de forma que seria tarde demais para lançá-lo por aqui ainda esse ano.

O que podemos presumir, entretanto, é que o modelo não chegará barato por aqui. Dessa forma, se for colocá-lo na sua lista de compras, não deixe de incluir também no seu planejamento o investimento em um seguro para smartphone. Assim, caso seu aparelho seja roubado, você tem a garantia de que receberá de volta o valor gasto no aparelho.